domingo, 17 de julho de 2011

Pequenos pensamentos sem importância [2]



Engarrafamento é uma merda e todos sabem disso. O que vou dizer aqui não é masoquismo, juro. É apenas a prova de como nos acostumamos a tudo na vida. Depois de 4 anos estudando no Fundão, pegando engarrafamentos quilométricos de pelo menos duas horas de duração (isso quando não chegavam a três horas e meia...), me acostumei a usar esse tempo "livre" para estudar as coisas da facul, escutar música ou o Nerdcast e, principalmente, ler os meus livros. Hoje trabalho relativamente perto de casa: 40 minutos me separam do meu serviço e isso não é nem meio Nerdcast, nem 1/3 das minhas músicas e poucos capítulos dos meus livros. Juro que já me peguei pensando: "Ah... já vou saltar? Mais meia hora de engarrafamento e eu terminava de ler!!!"
Acho que é por isso que tenho escrito tão pouca coisa ultimamente... afinal, a gente pensa um bocado de coisa quando está parada no ônibus e boa parte delas iam para o papel.
Só lembrando... isso não é uma reclamação de barriga cheia... É só mais um pequeno pensamento sem importância...

:D

2 comentários:

Elaine disse...

Tenho que admitir... eu tb já fiz mto isso! Principalmente nos tempos de facul até pq a gente sabe que dps de saltar vamos ficar por lá umas boas horas e já ficamos torcendo pela hora de voltar pra casa e encarar um novo engarrafamento(de preferência sem aqueles famosos vizinhos simpáticos que tentam puxar conversa e atrapalham nossos devaneios e leituras), crianças chorando e idosos que reclamam do tráfego e dizem como eram bons os tempos em que existiam poucos carros no Rio etc...

Leilucha disse...

rsrsrsrs é verdade... Que bom que não sou só eu!!! ;p

Postar um comentário