domingo, 12 de maio de 2013

Domingos

2 comentários



Naqueles domingos em que o dia mal nasceu
e o sol já vai dormindo
e a noite vai caindo
e a lua vai surgindo
e o mundo gira sem destino
sem vontade girar

O que você quer é que o tempo corra
que o vento se agite
que algo se mova
(mais aqui dentro do que la fora)
não vê a hora de ir embora
mal sabendo aonde vai chegar

Mas a aventura da vida é essa
degustamos as vezes com pressa
ansiedade da surpresa que vem lá
e quando tudo se torna rotina
você pede que transborde o copo

E desfaça o nó
e espalhe o po
ainda que seja só
pra bagunçar um pouco
e nos encher de vida
Porque daqui a pouco o dia já vai se acabar.

Leila Monteiro de Castro

Só Dez Por Cento é Mentira (Manoel de Barros) - 2008

0 comentários


O poeta das pequenas coisas que me causa inúmeros encantamentos...

Esse documentário é ma-ra-vi-lho-so!




quarta-feira, 1 de maio de 2013

Dez (ou infinitas) coisas que não tem preço

2 comentários


1) O momento em que toca a sua música favorita, sem você estar esperando

2) Café com leite e pão com manteiga no fim da tarde

3) A beleza e a simplicidade de um pôr-do-sol

4) O som da risada dos seus amigos provocada pela piada que você contou, achando que ninguém ia rir.

5) Ver o mar pela manhã

6) Conseguir fazer alguma coisa nova já na primeira vez

7) Abraços sinceros, que abraçam a alma

8) Ser reconhecido pelo seu esforço

9) Saber que se é amado só pela maneira com que o outro te olha

10) Viajar e conhecer um lugar novo

                                  ∞